Fragilizar projetos como o Guri é sentenciar milhares de jovens ao abandono social

Projeto-Guri-Foto-de-Daniella-Sousa
O Guri cresceu, amadureceu e construiu sua própria história e não poderia ser tratado como criança. Nasceu em 1995 e em tão pouco tempo já foi reconhecido e eleito a melhor ONG do país em 2018. Cada um dos seus 64 mil alunos de hoje já descobriu que a vida pode ter novas perspectivas através da música e da arte, assim como os 770 mil jovens que os antecederam ao longo dos anos.

Violão terá simpósio temático no congresso da ANPPOM em Pelotas. Inscrições abertas

Simposio-Violao-Anppom-Pelotas
O violão ganhará foco especial na programação do principal evento acadêmico brasileiro da área de música, o Congresso da ANPPOM (Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música). A 29ª edição do evento, que vai ocorrer entre 26 a 30 de agosto, em Pelotas, no Rio Grande do Sul, inclui o simpósio temático Panorama da Pesquisa sobre Violão no Brasil, aberto a pesquisas de qualquer área da música relacionadas ao instrumento. As inscrições estão abertas até 1º de abril para pesquisadores, professores, alunos e profissionais de música.

Grandes violonistas mineiros fazem recital em tributo aos 75 anos do professor José Lucena Vaz

Homenagem-a-Jose-Lucena-Vaz
Sabe quem criou o primeiro curso de violão em uma universidade pública brasileira? O professor mineiro José Lucena Vaz, ao introduzir o Bacharelado em Violão na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em 1976. Para homenageá-lo, nomes como Fernando Araújo, Juarez Moreira, Gilvan de Oliveira, Carlos Walter, Celso Faria, Weber Lopes e Eduardo Barretto participam da homenagem nesta terça-feira (19/03), às 19h30, com entrada franca no Conservatório da UFMG

Novo curso de violão impressiona pelo elenco de professores e variedade de temas

Ulisses-Rocha-Pos-Graduacao-Sidney-Molina
São 15 professores, que estão entre os maiores nomes do meio musical e acadêmico: Alessandro Penezzi, Camilo Carrara, Chico Saraiva, Daniel Murray, Douglas Lora, Fábio Zanon, Gilson Antunes, Paola Picherzky, Paulo Martelli, Silvana Scarinci, Thiago Abdalla, Ulisses Rocha e Victor Castellano, Maurício Érnica, além do próprio Molina. As disciplinas abrangem desde harmonia e improvisação até ornamentação e retórica em Bach, passando por acompanhamento e baixaria no choro, ritmos e levadas do violão brasileiro, ensino coletivo e técnicas estendidas.

Pós-graduação inédita que reúne grandes violonistas começa nesta segunda-feira (11/03)

Pos-graduacao-Sidney-Molina
Inscrições para últimas vagas disponíveis prosseguem abertas até a próxima semana na Faculdade Santa Marcelina, em São Paulo
NIG

Tags