Shows

Caio Cezar recebe convidados na série Solo&Cia no Museu do Estado de Pernambuco

Por Rosualdo Rodrigues

O violonista pernambucano Caio Cezar tem um compromisso semanal durante este mês de setembro. Todas as quintas, às 20h, no Museu do Estado de Pernambuco, em Recife, ele comanda o Projeto Solo&Cia, apresentando um concerto em que toca sozinho e em dueto com músicos convidados. O clima é intimista, em espaço para no máximo 50 pessoas.

Caio faz a primeira parte solo, depois um convidado toca duas músicas e, na segunda parte, ele e o violeiro Pita Cavalcanti interpretam peças de Bach.  Na estréia, dia 6 de setembro, o bandolinista e maestro pernambucano Marco César fez participação especial, tocando duas músicas autorais (Triunfando e Choro da Rosa).

(João Paulo Albetim)

No dia 13/9, o cavaquinista João Paulo Albertim entra no meio do concerto para tocar também duas composições autorais; no dia 20/9, participa o violonista e violinista Sérgio Ferraz, com repertório armorial inspirado em cantorias, repentes e emboladas. Encerrando a série, dia 27/9, o violoncelista Fabiano Menezes, da Orquestra Sinfônica do Recife, apresenta temas de Beethoven e Egberto Gismonti.

Bach com sotaque nordestino

Caio Cézar tem aproveitado a série Solo&Cia para mostrar um outro projeto, que vem fazendo em parceria com Pita Cavalcante. Em Bach para Violão e Viola Caipira, violonista e violeiro trazem para o universo nordestino os Prelúdios, Fugas e Invenções de Johann Sebastian Bach (1685-1750).

“As apresentações têm uma ruptura. Na primeira parte toco João Pernambuco, Canhoto, Ernesto Nazareth, Pixinguinha, Garoto, Guinga... e na segunda vem Bach”, diz Caio Cézar, que está usando as apresentações no Museu do Estado como experimento. “Resolvi botar o projeto do Bach no palco e ver como o público recebe”.

A resposta, na estréia, foi “muito boa”. Um incentivo para prosseguir com os planos em torno desse trabalho. Ele e Pita já recriaram oito peças de Bach e planejam chegar a 45 minutos de música. “E estou querendo muito fazer esse projeto também para audiovisual. Fazer espetáculos ao ar livre usando imagens, video mapping... Vou começar a usar isso agora, semana que vem, ver como fica essa brincadeira”, antecipa.

SERVIÇO
Projeto Solo&Cia
Todas as quintas de setembro, às 20h, no Museu do Estado de Pernambuco (Avenida Rui Barbosa, 960, Graças, Recife). Ingressos: R$ 40, à venda na bilheteria, antes do início de cada apresentação.

 

VOLTAR
NIG

Tags